Com apoio da PM da cidade de Tocantinópolis, policiais militares da 4ª CIPM efetuaram na manhã deste domingo, 10, a detenção de dois homens suspeitos de terem invadido a residência do proprietário de uma casa lotérica na cidade de Axixá e roubado alguns objetos, entre eles, dois aparelhos de celulares, joias e R$ 800 reais em dinheiro.

A ocorrência teve início ainda na madrugada de domingo e de acordo com informações a quadrilha na verdade pretendiam roubar era a casa lotérica. Eles ainda fizeram a família do empresário refém, mas, por descuido dos marginais a vítima e sua família conseguiram se trancar em um quarto da casa e começarem a fazer barulho, chamando a atenção dos vizinhos, fazendo com que os criminosos desistissem da ação, fugindo apenas com os objetos.

Os suspeitos conduziam o veículo Hyunday HB 20, cor branca, placa JKN 8742 de Brasília-DF. Por meio de câmaras das lojas na cidade de Sítio Novo, a PM conseguiu descobrir que os suspeitos haviam fugido sentido à Tocantinópolis, o que facilitou a diligência.

A equipe da Polícia Militar da 4ª CIPM teve o apoio do comandante e subcomandante da 5ª CIPM, o reforço nas diligências levaram os militares encontrarem o veículo na cidade de Tocantinópolis, onde os autores abandonaram o carro no setor de invasão. Dois dos autores, um de 22 anos e outro de 36, foram presos naquela cidade. Eles foram reconhecidos por testemunhas como autores do crime.

Na delegacia de Polícia na cidade de Augustinópolis para onde foram encaminhados e autuados em flagrante delito, um dos envolvidos apresentou identidade falsa. Mediante consulta, verificou-se que havia mandado de prisão em aberto contra ele por roubo à agência dos Correios na cidade de Sítio Novo do Tocantins.

Dois dos envolvidos no crime estão foragidos. A Polícia já conseguiu identificá-los e a partir de agora o caso é com a autoridade competente a qual dará continuidade com a investigação. (Ascom)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.