Desde segunda-feira, 13/03, agentes de fiscalização do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Tocantins (CREA-TO) realizam força-tarefa de vistoria na região norte do estado, abrangendo 32 municípios do Tocantins. A fiscalização ocorrerá até sexta-feira, dia 24/03.

A região norte do estado possui grande número de agroindústrias (abatedouro de frango e laticínios), fábricas e atividades de silvicultura, e outras atividades como galpões aviários, fábrica de cimento e mineradoras (extração de areia e cascalho dos Rios Araguaia e Tocantins), bem como as obras civis da região. As vistorias ocorrem para averiguação da existência de responsável técnico e respectiva anotação (ART) deste profissional na realização dos serviços de Engenharia e Agronomia.

Os agentes de fiscalização do Conselho foram divididos em duas equipes. Uma fiscalizará os municípios de Luzinópolis, Cachoeirinha, São Bento, Araguatins, Augustinópolis, Buriti, Esperantina, São Sebastião, Carrasco Bonito, Sampaio, Praia Norte, Axixá, Sítio Novo, São Miguel, Itaguatins e Maurilândia.

A segunda equipe realizará fiscalização em Wanderlândia, Piraquê, Muricilância, Aragominas, Santa Fé do Araguaia, Carmolândia, Araguanã, Xambioá, Riachinho, Ananás, Angico, Nazaré, Santa Terezinha, Tocantinópolis, Aguiarnópolis, Palmeiras e Darcinópolis.

Ao fiscalizar, o Conselho impede a atuação de leigos ou profissionais cuja habilitação não condiz com a execução do serviço, e garante mercado de trabalho aos profissionais legalmente habilitados. Para a sociedade, isso significa segurança nos serviços prestados.

Estão sujeitos à fiscalização as pessoas físicas – leigos ou profissionais – e as pessoas jurídicas que executam ou se constituam para executar serviços ou obras de Engenharia ou de Agronomia.​​

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.