População de Araguaína foi às ruas protestar na manhã deste domingo  13, os manifestantes pediram o fim da corrupção e o impeachment da presidente Dilma Rousseff  (PT). As faixas também demonstravam apoio à operação Lava Jato e ao juiz Sérgio Moro.  De acordo com a Polícia Militar 5 mil pessoas participaram dos protestos.

A Ong SOS Liberdade foi quem organizou a manifestação, a Associação Comercial e o Sindicato Rural da cidade também participaram e foram as ruas.

Manifestando apoio a operação Lava Jato e ao juiz Sérgio Moro, responsável pelas investigações, os manifestantes exibiram um boneco que simbolizava o ex-presidente Lula e pediam a prisão dele.

Segundo a PM, cerca de 30 policiais fizeram a segurança, não houve nenhum registro de confusão.

A concentração começou logo cedo na Praça das Bandeiras. Os manifestantes caminharam pela Avenida Cônego João Lima, e parou em frente à sede da Polícia Federal por volta das 11h, onde encerrou o manifesto.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.