A Corregedoria Geral da Polícia Civil, montou uma força-tarefa e estabeleceu um cronograma para realizar atendimentos em todas as 13 delegacias regionais de todo o Estado.

As ações da força-tarefa foram iniciadas pela 1ª Delegacia Regional de Araguaína, na última segunda-feira, 6, onde a equipe da Corregedoria Geral da Polícia Civil, a qual é comandada pelo Corregedor Geral, Delegado Fábio Augusto Simon e é composta por uma equipe completa de cinco delegados de polícia, além de agentes de polícia e escrivães, que tem como intuito, efetuar o levantamento dos principais problemas existentes na 1ª Regional, ouvir as demandas e reivindicações dos servidores e produzir um relatório circunstanciado, o qual será entregue ao Secretário de Estado da Segurança Pública.

Os integrantes da força-tarefa se reuniram com delegados de polícia, peritos, papiloscopistas, bem como membros do Ministério Público Estadual, onde foram discutidas estratégias para a implementação de futuras ações, que tendem a melhorar o trabalho correcional. As ações da força-tarefa foram encerradas nesta sexta-feira, 10.

Para o corregedor geral da polícia civil, delegado Fábio Augusto Simon, a força tarefa alcançou todos os objetivos propostos, uma vez que a equipe da corregedoria conseguiu transmitir a nova filosofia da polícia civil, no sentido de orientar os servidores para que os mesmos desenvolvam suas funções com ainda mais zelo e qualidade, aprimorando os serviços oferecidos à população que busca os serviços da 1ª Delegacia Regional de Araguaína.

“Estamos muito satisfeitos, porque a força-tarefa conseguiu atingiu as metas estabelecidas inicialmente, o que foi constatado pelo bom nível de receptividade por parte dos servidores. Também estamos demonstrando, aqui que o objetivo da Corregedoria Geral da Polícia Civil não é apenas reprimir, mas sim mostrar que a correição tem um caráter pedagógico no sentido de orientar e fiscalizar as atividades funcionais, se colocando à disposição, tanto da população quanto dos próprios policiais”, destacou o Corregedor Geral.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.