Foi divulgado no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira, 22, o edital do primeiro Concurso de Remoção dos Membros da Carreira Jurídica de Delegado de Polícia do Estado do Tocantins.

Os delegados de polícia interessados devem se inscrever por meio de requerimento escrito, dirigido à Comissão Permanente de Concurso de Remoção, conforme modelo constante no anexo do edital, acompanhado ainda de documentos que comprovem atendimento aos requisitos instituídos na Resolução nº 001, de 31 de janeiro de 2017, que estabelece os procedimentos administrativos de remoção e movimentação dos Delegados de Polícia Civil do Tocantins.

O requerimento deve ser protocolado na sede da Delegacia Geral da Polícia Civil, situada na Esplanada das Secretarias, Praça dos Girassóis, prédio da Secretaria da Segurança Pública, Palmas – TO ou, ainda, encaminhado ao e-mail concursoremocao@ssp.to.gov.br, no prazo de três dias úteis, contados da publicação do Edital no Diário Oficial do Estado, das 12h30 às 18h30.

O edital com todas as informações referentes ao concurso, bem como a resolução que estabelece os procedimentos administrativos de remoção e movimentação dos Delegados de Polícia Civil (Resolução nº 001, de 31 de janeiro de 2017) podem ser obtidos no link:http://diariooficial.to.gov.br/sistema/diario/3265/download

Sobre as Vagas

O edital prevê o preenchimento de vagas por meio de remoção a pedido, decorrente do concurso de remoção, observando alternadamente os critérios de antiguidade e merecimento, conforme resolução do Conselho Superior da Polícia Civil.

As vagas são distribuídas por comarcas, atendendo as seccionais das comarcas de Araguaína (10), Araguacema (1), Araguaçu (1), Araguatins (1), Aurora do Tocantins (1), Colinas (1), Colméia (1), Filadélfia (1), Goiatins (1), Guaraí  (2), Gurupi (3), Itaguatins (1), Novo Acordo (1), Palmeirópolis (1), Paranã (1), Pedro Afonso (1), Pium (1), Ponte Alta (1), Porto Nacional (3), Tocantinópolis (1) e Wanderlândia (1).

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.