Na madrugada do último dia 28, por volta de 01h20min, ocorreu um grave acidente, com múltiplas vítimas, envolvendo um ônibus de linha interestadual de transporte de passageiros, próximo a Dianópolis – TO, sudeste do Estado, que resultou na morte de sete pessoas e deixou cerca de 20 feridos.

Após coordenação com a Secretaria Estadual de Saúde (SESAU) e os gestores do local do acidente, houve o acionamento do helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPAER-TO), que se deslocou para Dianópolis, com dois profissionais da SESAU, sendo a médica Jaqueline e a Enfermeira Edna.

Ao chegar à cidade, uma equipe do Corpo de Bombeiros transladou a vítima até o cartódromo, onde a mesma permaneceu no aguardo da equipe da Unidade Aérea. Após os procedimentos de embarque da paciente, o helicóptero do CIOPAER-TO decolou, rapidamente, com destino a Palmas, onde chegou após 60 minutos de voo.

A aeronave pousou no pátio do Hospital Geral de Palmas, onde uma equipe multidisciplinar daquela unidade de saúde, já aguardava a vítima para os procedimentos necessários.

Cabe ressaltar que, por via terrestre, o deslocamento da cidade de Dianópolis para Palmas, cuja distância é de aproximadamente 340 km, dura em média, cerca de 3h30min. Todavia, o mesmo trajeto realizado pelo helicóptero foi feito em apenas 60 minutos.

Desta maneira, o deslocamento rápido efetuado pela aeronave contribuiu, significativamente, para que a vítima pudesse receber os cuidados específicos dos quais necessitava, aumentando, com isso, sua possibilidade de sobrevivência.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.