O pré-candidato ao governo do Tocantins Márlon Reis, ex-juiz e criador a Lei da Ficha Limpa, afirmou que o município de Formoso do Araguaia sofre as consequências de uma redução nos investimentos, vendo diminuir as perspectivas de emprego e de aumento da qualidade de vida da população.

“Formoso é a prova clara de como governos incompetentes e desonestos conseguem barrar o desenvolvimento. Perde-se qualidade de vida, postos de trabalho e barra-se o desenvolvimento.”

O pronunciamento foi feito no último sábado na Câmara de Vereadores de Formoso, onde se reuniram lideranças sociais e religiosas, profissionais liberais e estudantes em mais uma edição dos Diálogos pelo Tocantins.

O evento está sendo realizado nas mais diversas regiões do estado, após começar pelas cidades de Pedro Afonso e Campos Lindos.

Márlon Reis foi apresentado por Ivan Moreira da Silva Júnior, presidente do Clube de Dirigentes Lojistas, que ressaltou a biografia do pré-candidato e afirmou seu apoio ao projeto. Além de Ivan, o empresário Waguinho Correa, o advogado Fábio Leonel, o contador Vicente e o diretor do IFTO de Formoso Marlon Brito compuseram a comissão organizadora do evento.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.