Produtos apreendidos
Produtos apreendidos

Policiais Civis da Delegacia Fazendária de Araguaína, sob a coordenação do Delegado José Rérisson Macedo Gomes recuperaram, na última terça-feira, 27, cerca de R$50 mil reais em jóias e demais produtos, os quais haviam sido roubados de uma mulher, no final da tarde do dia 24 de dezembro, naquela cidade.

Conforme o delegado, os objetos pertencem a uma senhora que é de Palmas e estava visitando a cidade de Araguaina, quando foi surpreendida por dois indivíduos portando armas de fogo que após anunciar o assalto, obrigaram a mulher a entregar todos os seus pertences, incluindo uma bolsa da marca Louis Vuitoon, óculos Pierre Cardin, além de varias joias.

Após alguns dias de investigação, os policiais civis da Delegacia Fazendária identificaram os autores e recuperaram boa parte dos itens roubados. Ainda conforme o delegado, como já não havia mais a situação de flagrante, os dois indivíduos foram indiciados pelo crime de roubo e, inicialmente, responderão ao processo em liberdade, conforme determina a lei.

O delegado e sua equipe trabalham agora, no sentido de localizar o restante das joias roubadas a fim de restituí-los a sua verdadeira dona. Todo o material recuperado foi periciado e devolvido à vítima, que ficou muito feliz ao reaver seus pertences, elogiando a agilidade e eficiência da Polícia Civil do Tocantins devido ao desfecho satisfatório do caso.

“Quando tomamos conhecimento do crime, passamos a diligenciar de forma incessante até podermos localizar os autores e recuperar os produtos roubados e, assim, devolve-los a mulher, no menor espaço de tempo possível”, pontuou o delegado.

Logo que ficou sabendo que seus pertences haviam sido recuperados pela Polícia Civil, à vítima procurou a delegacia e, ao receber suas coisas de volta, agradeceu pelo empenho e dedicação dos policiais civis. “Esse reconhecimento ao trabalho realizado, nos deixa muito orgulhosos e nos motiva a cada vez mais buscar a excelência nas investigações a fim de que possamos resolver todos os crimes que ocorrem no Estado e, desta maneira, corresponder a toda a confiança que a população deposita nas ações realizadas pela Polícia Civil”, ressaltou o delegado.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.