IMG-20160112-WA0005Na noite desta segunda-feira, 11, a Polícia Militar (PM) realizou a Aula Inaugural do Cursinho Comunitário em Pedro Afonso. Na solenidade estiveram presentes os 60 alunos inscritos e também os professores voluntários, e militares do 3º Batalhão (BPM).

Durante a abertura os militares e professores parabenizaram e desejaram sucesso aos alunos. Na sequencia houve uma palestra motivacional com o capitão PM Valdemi Silva Reis, subcomandante do 3º BPM e coordenador do curso. Ele abordou o tema “Qual o seu sonho?”. Em seguida os alunos se apresentaram e agradeceram pela oportunidade. Houve ainda a primeira aula de língua Portuguesa com o soldado PM Cordeiro.

O Cursinho Comunitário do 3º BPM foi idealizado com o objetivo de preparar jovens de Pedro Afonso e região para o concurso da Polícia Militar do Estado do Tocantins e outros concursos públicos, e terá duração aproximada de quatro meses. Não há nenhum custo para os alunos matriculados. As aulas ocorrem de segunda a sexta-feira, no horário das 19 às 22h30, no auditório do Batalhão.

Para o capitão da PM Reis, coordenador do cursinho e respondendo pelo comando do 3º BPM, “o projeto é uma forma de aproximar a Polícia Militar da comunidade local e ainda proporcionar aos jovens a oportunidade de se prepararem para concorrerem às vagas nos diversos concursos públicos abertos no Estado e pelo Brasil”, conclui.

Ainda de acordo com o Capitão, a cidade de Pedro Afonso e região é carente de cursinhos preparatórios para a realização de concursos públicos, inclusive de informações acerca da realização de certames públicos, deixando o cidadão, principalmente os jovens, de fora dessas seleções e sem oportunidade de concorrer a cargos públicos no Estado, e no que se refere ao concurso da Polícia Militar do Estado do Tocantins, percebe-se uma participação tímida dos jovens da região de Pedro Afonso na realização do referido certame, sendo também essa uma das razões para a realização do projeto.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.